Dezembro 18, 2017
“Queremos continuar a crescer”

“Queremos continuar a crescer”

Edição de 30-06-2014
Cátia Barreira

 

Está a chegar o evento que os amantes das duas rodas aguardam na região, a 18.ª Concentração Motard de Mirandela. São esperadas centenas de pessoas para a festa, que, este ano, tem mais um dia e realiza-se de 26 a 29 de Junho.

Em entrevista ao Jornal NORDESTE, o presidente do Moto clube de Mirandela, Paulo Guilherme, adianta os pormenores e novidades para esta edição.

Jornal Nordeste (JN) – Quais são as novidades para esta edição da Concentração Motard de Mirandela?
Paulo Guilherme (PG) – Esta edição, para começar tem quatro dias, mais um do que no ano passado. E os quatro dias foi a questão de fazermos um estudo se de facto nós podíamos ter uma festa mais rica que aquilo que habitualmente se faz. Há, apenas, dois moto clubes em Portugal federados que fazem este tipo de evento em quatro dias, que é o Moto clube de Gois e o Moto Clube de Faro. Mirandela, aquilo que se fala a nível federativo, mesmo a nível do País, toda a gente diz que o Moto Clube tem muita qualidade e o espaço em si onde os recebemos. Nesse sentido, tentámos mudar e tentámos arranjar uma forma de marcarmos esta concentração e quisemos acrescentar mais um dia, para ver se conseguimos melhorar alguns aspectos e dar mais conforto a quem nos visita.
JN: Estão com as espectativas em alta para tornar o evento de Mirandela comparável, por exemplo, ao de Faro?
PG: É mesmo por aí. O que toda a gente diz é que Mirandela tem muita qualidade, apesar de não termos tanta quantidade de gente aficionada às duas rodas (motards), mas temos um espaço fantástico e toda a gente fala em Mirandela, inclusivamente, na federação, que é muito conhecida. Nesse sentido, queremos ver se conseguimos igualar, não em quantidade, mas sim em qualidade a esses grandes moto clubes que fazem este tipo de festas.
Temos uma equipa, a quem eu tenho que agradecer, que me acompanha. Quem está cá é porque gosta, ninguém tem ordenado algum para trabalhar no Moto Clube, isto é voluntarismo. Para trabalharmos neste tipo de eventos temos que trabalhar com algum tempo, e só tenho que agradecer a quem me acompanha, porque de facto não é fácil a nossa vida, que, muitas vezes, pomos em causa por causa da Associação.
JN: Qual é o investimento que fazem nesta actividade?
PG: É um evento muito grande, já envolve muito dinheiro e envolve uma responsabilidade muito grande. Estamos a falar, já antes de começar a festa, entre 25 a 30 mil euros, não é uma brincadeira fácil. É uma festa com alguma responsabilidade.
JN: O que é o que se pode esperar do cartaz deste ano?
PG: É um cartaz vasto e diversificado. Na quinta-feira teremos uma banda da terra, Filthylif, que vai estar connosco, e a In’Vinus Tuna. Na sexta-feira temos outro tipo de coisas, temos um freestyle que, habitualmente, não temos, normalmente é ao sábado, mas este ano vamos ter sexta-feira também. Temos cá o piloto Humberto Ribeiro. Temos duas bandas a tocar à noite e temos o tradicional show erótico. No sábado, temos as grandes surpresas deste ano, que é o campeonato nacional Urban Freestyle, que é organizado pela federação e nós apenas vamos dar um apoio a esse evento.
Este ano, a federação vai fazer três provas a nível nacional e uma delas vai ser feita em Mirandela, eles escolheram Mirandela para fazer a primeira prova desse campeonato nacional.
Alterámos o circuito do passeio nocturno para passarmos em outros pontos da cidade.
Vamos fazer uma missa em honra dos dois jovens, que faleceram no ano passado, durante a concentração, onde também teremos a bênção dos capacetes.
À noite vamos ter o habitual, que são as bandas, também o humorista João Seabra e, por sua vez, no domingo temos um passeio à freguesia de Cedães.
Aliadas ao cartaz teremos também outras actividades promovidas pelas associações da nossa terra, que gostamos sempre de envolver, porque elas ajudam-nos a enriquecer a festa.

JN – Quais são os projectos previstos para o futuro?
PG – Queremos crescer mais. O Motoclube tem, actualmente, uma sede que o Município nos facultou. Queremos melhorá-la, queremos arranjar melhores condições para trazer os sócios à sede e a partir daí enriquecer os nossos eventos a nível do Todo-Terreno.
DESTAQUE:
Concentração Motard vai contar com mais um dia de festa este ano. A organização conta receber milhares de pessoas na cidade do Tua.

in Jornal Nordeste

Leave a Reply

Kyplex Cloud Security Seal - Click for Verification